sábado, 24 de novembro de 2007

Brasil e França, e a Internet


O Brasil ultrapassou o numero de 20 milhões de usuários de internet residencial, numero 47% maior do que no ano anterior. Porém ao invés de aumentarem as conexões de banda-larga, houve um recuo, de 78,9 para 76,4% das conexões, onde o que aumentou foi a quantidade de usuários de internet por acesso discado. Apesar de ser por acesso discado, é bom saber que mais pessoas estão tendo acesso as tecnologias. Enquanto isso na França, o Presidente Sarkozy firmou um acordo a fim de diminuir o mau uso dessa tecnologia, o acordo visa reprimir os downloads ilegais, cortando o acesso a internet dos usuários que praticam esses downloads. A idéia do Presidente é que os provedores enviem avisos por e-mails aos usuários, caso estes não parem com a pratica delituosa, suas conexões podem ser suspensas ou até mesmo cortada, lhes tirando em definitivo (em parte, existem Lan houses e afins) o acesso a internet. Na França já vigora uma lei onde o usuário que comete estes delitos pode pegar até 3 anos de prisão e pagar uma multa de até 300 mil Euros. Você concorda com o corte da conexão dos usuários e com a repressão aos usuários que fazem downloads ilegais?

5 comentários:

Johnny M. disse...

Eu só espero que essa repressão ridicula ao acesso livre das pessoas a cultura não chegue por estas praias aqui. Mas acho que chegará. O interessante é que logo logo surgirão programas capazes de burlar esses tiras virtuais.

Rogerio ® disse...

^^Opa^^

Estou nesta porcentagem tambem. Infelizmente não chega a VELOX aqui no meu Bairro.

bioblog disse...

Bom, precisamos muito de leis que segurem os crimes de internet.. temos tecnologia para isso!
E banda larga tem que melhorar.. tem muito aidna apra se fazer aqui.. apesar do numero de usuarios!!

Johnny M. disse...

Não, não concordo. Cultura free, acessível a todos.

César Fernández disse...

Oxe, download ilegal é o que há.

by TemplatesForYouTFY
SoSuechtig, Burajiru